Por que o gato mia? Saiba identificar o que o seu felino quer

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Conviver com animais de estimação é uma delícia, ainda mais quando se trata de gatos! Seu miado pode ser a coisa mais fofa do mundo, não é mesmo? Mas você já se perguntou porque seu gato mia?

Apesar de usar essa comunicação bem menos do que os cachorros, os gatos usam o miado mais para expressar suas vontades.

Quando você convive com um gatinho, você acaba entendendo que cada miado possui um som diferente. Fome, dor, cio, entre muitos outros, um miado precisa ser observado e compreendido para que sua comunicação com o seu felino seja a melhor possível.

Nesse artigo, explicaremos os motivos dos miados do seu gato, para que você consiga identificar a vontade do seu felino e saber como agir:

O que é o miado?

O miado é a forma do seu felino se expressar sobre o que ele precisa ou o que ele está sentindo! Você nunca deve ignorar um miado ou brigar com seu gatinho por conta do barulho. Dessa forma, é importante que você o observe para que entenda como satisfazer o seu felino.

Muitas das características dos miados de gatos se desenvolveram ao longo dos anos por conta da relação doméstica entre humanos e gatos. Gatos selvagens geralmente se comunicam pela postura e pela feição, ao contrário dos felinos domésticos. Interessante, né?

A razão para que os gatos domésticos desenvolvessem esse tipo de “comunicação” com os humanos é porque nos tornamos mais receptivos a responder a um miado, pois acabamos associando o barulho na mesma categoria que sons de bebê, como se fosse um choro.

O significado do miado do gato vai variar de felino para felino. Portanto, aqui nesse artigo te ajudamos indicando os tipos de miados e motivos mais comuns dos gatos, vamos lá?

Por que o gato mia?

Miado de atenção

Os gatos podem miar porque querem chamar a atenção dos pais humanos, seja para ganhar um carinho ou interagir com alguma brincadeira. 

Um miado alto e claro, direcionado à você assim que seu gato te vê, pode significar que ele queira sua atenção total para poder mostrar o que ele quer em seguida, ou, se não estiver no mesmo ambiente que ele e ouvir esse miado alto e claro, também pode significar que ele queira sua atenção mas não sabe onde você está, como um filho procurando um pai ou uma mãe. 

Isso não é uma regra, pois alguns gatos não são muito fãs de interação e preferem ficar em algum cantinho bem quietinho na deles. Se o seu gatinho for mais reservado, respeite o espaço dele, ok?

Miado de dor

No caso de gatos miando muito alto, observe seu felino, esse miado pode ser indicando que está com alguma dor e está pedindo sua ajuda.

Os gatos são muito discretos, evitam ficar miando sem motivo algum e conseguem disfarçar mesmo quando estão com alguma dor ou problema de saúde.

Se, subitamente, seu gato começar a miar e apresentar algum comportamento como corpo arqueado, pressionar a cabeça na parede ou em algum móvel ou algum outro comportamento fora do comum do seu felino, o indicado é levar seu felino a um veterinário para que realize exames. Esse miado excessivo é um indicativo de que algo está errado, e se combinado com algum comportamento estranho, o alerta é maior ainda.

Miado para entrar em casa

Você mora em um lugar onde seu gatinho pode sair e voltar para casa sem nenhum risco? Se a resposta for sim, saiba que existe um miado certo para entrar em casa ou em algum cômodo, caso a porta esteja fechada!

Às vezes seu felino só quer matar a curiosidade de ver o que tem atrás da porta fechada! Às vezes você não percebeu e fechou a porta principal de casa. Nesse caso, é muito comum do miado vir acompanhado de arranhões na porta que seu felino deseja abrir.

Caso o cômodo que seu gatinho quer entrar seja algum cômodo que possa oferecer algum perigo para ele, como a porta principal no caso de não ser permitido sair para a rua, ou a porta de algum cômodo que guarde produtos de limpeza, tente distrair seu felino com algum petisco ou com algum brinquedo. Se o seu felino não se distrair nesse momento, poderá continuar miando até sua curiosidade ser sanada!

Miado de carinho

Os gatos também miam porque querem receber carinho ou até mesmo oferecer carinho e um cumprimento amoroso. Esse miado indica que está feliz por ter você ali ou por te encontrar após um dia longe.

Geralmente um miado suave e harmonioso pode vir acompanhado de um ronronar, de um esfregamento de sua carinha em alguma parte do seu corpo, do famoso “amassando pãozinho” no seu colo, ou até mesmo pequenas lambidas e mordidas indicam que seu gatinho está num modo amor e carinho total!

Se essa demonstração de afeto vir acompanhada de uma enroscada do seu bichano ou se ele se deitar no chão na sua frente, saiba: é hora de você comandar o carinho nele!

Miado de alerta

Para mostrar para um outro gato ou para um humano que o território é deles, os gatos podem ficar muito agitados e miar como se estivessem gritando, para que soe como um aviso!

Nesses casos, não é aconselhável repreender o gato. O indicado é ignorar esse miado e dar um tempo para que ele se acostume com a visita ou com um novo integrante da família. 

Dar esse tempo ao seu felino o ajudará a se sentir mais seguro e confortável para voltar ao normal.

Miado de fome

Os gatos também miam porque estão com fome, e esse é o miado mais conhecido entre os pais de felinos! Geralmente esse miado é acompanhado de uma corrida até o potinho de ração, ou perto de você quando você está comendo!

Alguns gatinhos fazem de tudo para chamar atenção quando estão com fome, e certamente só vão parar quando tiverem o que querem!

O recomendado é deixar a ração à vontade para que eles não fiquem com fome, mas caso o tipo de alimentação do seu gatinho seja uma comida natural específica, ou sachê de ração úmida, não vai ter jeito de deixar a vontade! Por isso esteja sempre alerta ao potinho do seu felino ou nos horários que ele está acostumado a fazer suas refeições.

Em alguns casos, seu felino te segue pela casa miando sem parar pedindo comida, e quando você vai até o pote, ele já está cheio de comida. Nesse caso, significa que eles estão recusando a alimentação oferecida a eles por algum motivo, já que os gatos são bem criteriosos e rigorosos na hora da sua alimentação. 

A troca de ração às vezes não é muito bem recebida pelo seu gato. Como opção, ofereça ração úmida para tornar a alimentação mais atraente para seu filho de 4 patas.

Miado de Estresse

Os gatos gostam muito de manter uma rotina e se apegam bastante ao ambiente que vivem, por isso acabam se tornando muito sensíveis às mudanças que possam ocorrer em seu ambiente, e para manifestar essa insatisfação ou desconforto, ele vai miar.

Se o seu felino começar a miar um pouco mais grave e forte, e numa quantidade maior do que o normal após alguma mudança em seu ambiente, fique atento para que ele não se estresse mais por isso.

Para ajudá-lo a se acostumar com qualquer mudança, você deve introduzi-la gradualmente essas alterações e mantê-lo com um ambiente enriquecido onde ele possa se distrair bastante enquanto se acostuma com o novo.

Miado de brigas

Por que o gato mia antes de brigar? Simples: para avisar a um outro gato ou animal que está na defensiva e que está pronto para atacar.

Se a situação for essa, junto com o miado você vai perceber que seu felino vai ficar com os pelos arrepiados, a boca aberta, a cauda em pé e as orelhas dobradas. para evitar que seu gatinho se machuque, você deve retirá-lo com muita calma do ambiente e aguardar que ele se acalme para poderem voltar.

Miado de mal-estar

Muitos gatos quando estão sentindo alguma dor ou desconforto, se escondem e não miam para avisar, mas outros gatos podem miar bastante nessa situação. 

Se você suspeitar que no caso do seu, o miado está esquisito, verifique o ambiente e procure por indícios para tentar detectar o problema. 

Mas lembre-se: miando ou não miando, se suspeitar que seu gatinho está com alguma dor ou desconforto, leve-o ao veterinário para que façam os exames corretos sem perda de tempo, não espere que seu gato pare de comer ou fique apático para investigar com um profissional a causa.

Miado de medo

Outro motivo para o gato miar é a sensação de medo. Gatos quando estão estressados e com medo tendem a miar bem mais.

Um bom exemplo de situação estressante e de medo para os gatos são as saídas de casa para ir ao veterinário, já que precisam ficar dentro da caixa de transporte fechados.

Para acostumar com essa situação e com outras que você perceba que seu gato está sentindo medo, tente deixá-lo o mais confortável possível, com uma toalha ou cobertinha que passe sensação de conforto ao seu felino, cobrir com um lençol leve a caixa de transporte também pode ajudar, pois ele não vai ver a movimentação que não é acostumado a ver, e não ficará tão ansioso e com medo.

Miado de cio

O período fértil de uma gata fêmea é realmente alto e agudo! Este período vem acompanhado por esfregamento da sua gatinha, elevação da pelve, aumento da micção, entre outros.

A razão do miado tão barulhento é simples: sua gatinha fêmea está chamando todos os machos ao redor para reproduzir! Durante a reprodução, então, o barulho é ainda pior. As fêmeas gritam quando se acasalam porque o pênis do gato macho possui espinhos. 

Por esse e outros motivos, a castração é muito importante, já que além de evitar esse desconforto nas felinas, a castração também evita esses miados extremamente barulhentos durante o cio.

Por ser a única forma de comunicação entre vocês, preste muita atenção nos sons que o seu gato faz! Assim, o laço entre vocês estreita e também a saúde do seu felino se mantém protegida!

Entender melhor as necessidades do seu gato proporcionará um ambiente mais confortável e eficaz para você e para ele, além de evitar que acidentes aconteçam.

Por isso, sugerimos que, além de observar bem o seu gato e cuidar do seu ambiente para que não haja nada que ofereça riscos ao mesmo, ter um plano de saúde pet vai deixar seu gato ainda mais seguro, pois, em caso de algum miado anormal ou alguma situação de risco, poderá contar com uma rede de profissionais de confiança e maior estabilidade financeira, tendo em vista que exames ou internações de emergência podem ser bem caros!

Você pode cotar com um especialista rápido e gratuitamente um plano que certamente atenderá seu felino e também o seu bolso, é só nos chamar por aqui.

Veja também: